Procedimentos de Memória Organizacional na Administração Pública: ações que apoiam a Sustentabilidade Organizacional.

Autores

Resumo

A Memória Organizacional, como prática da Gestão do Conhecimento, é constituída por procedimentos de criação, registro, disseminação, compartilhamento e reúso de dados, da informação e do conhecimento. A Administração Pública eficiente, atuante e transparente, favorável a aspectos da Sustentabilidade Organizacional está diretamente relacionada às efetivas práticas de Gestão do Conhecimento no meio organizacional evidenciando a relação dos procedimentos de Memória Organizacional. O objetivo deste artigo é propor ações apoiadoras à Sustentabilidade Organizacional com ênfase nos procedimentos de Memória Organizacional, utilizando a ISO 30401, no ambiente da Administração Pública, a partir da análise de documentos disponibilizados nos Diários Eletrônicos dos Tribunais de Contas dos Estados da região sul do Brasil. A metodologia caracteriza esta como uma pesquisa mista de natureza aplicada, abordagem descritivo-interpretativa com a coleta de dados feita por meio de pesquisa documental nos estados sulistas. Os resultados auferidos a partir dos dados quantitativos analisados estatística e descritivamente com uso de ferramenta digital específica, bem como dos dados qualitativos, e que foram perquiridos mediante Análise de Conteúdo a partir de categorias encontradas na Revisão Sistemática de Literatura e nos diferentes documentos recuperados, permitiram conceber como resultado maior um quadro de ações apoiadoras à Sustentabilidade Organizacional, considerando os procedimentos da Memória Organizacional.

 Palavras-chave: Memória Organizacional. Administração Pública. Práticas de Gestão do Conhecimento. Sustentabilidade Organizacional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jean Bernardino, Universidade Tecnológica Federal do Paraná

Doutor em Tecnologia e Sociedade pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Brasil.

Faimara do Rocio Strauhs, Universidade Tecnológica Federal do Paraná

Doutora em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina, Brasil. Professora da Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Brasil.

Referências

ABECKER, Andreas; BERNARDI, Ansgar; HINKELMANN, Knut, KÜHN, Otto; SINTEK, Michael. Toward a technology for organizational memories. IEEE Intelligente Systems, Los Alamitos, v. 13, n. 3, p. 40-48, may/jun. 1998. Disponível em: https://webcache.googleusercontent.com/search?q=cache:CEszQk-iCXQJ:https://www.dfki.uni-kl.de/~sintek/Papers/IEEE/OM-Technology.pdf.gz&cd=2&hl=pt-BR&ct=clnk&gl=br. Acesso em: 21 fev. 2023.

ALFENAS, Ricardo Augusto da Silva; SANTOS, Carlos Soares dos; DIAS, Danila Carrijo da Silva; ARAÚJO, Vívian Garro Brito de; SILVA, Daniela Villa Flor Montes Rey. Gestão do conhecimento nas organizações públicas brasileiras: revisão e bibliometria de obras no período de 2008 a 2017. Revista do Serviço Público, Brasília, v. 72, n. 2, p. 452-478, Brasília, abr./jun. 2021. Disponível em: https://revista.enap.gov.br/index.php/RSP/article/view/3913. Acesso em: 21 fev. 2023.

ANTUNES, Helder de Jesus Ginja; PINHEIRO, Paulo Gonçalves. Linking knowledge management, organizational learning and memory. Journal of Innovation & Knowledge, Barcelona, v.5. p. 140-149, 2019. Disponível em: https://ubibliorum.ubi.pt/bitstream/10400.6/8666/1/Antunes%20Pinheiro_2019_Linking%20knowledg%20emanagement%20organizational%20learning%20and%20memory_Journal%20of%20Innovation%20and%20knowledge.pdf. Acesso em: 21 fev. 2023.

ARASAKI, Paula Kaneoya; STEIL, Andrea Valéria; SANTOS, Neri dos. Sistemas de memória em organizações intensivas em conhecimento: um estudo de caso. Espacios, Venezuela, v. 38, n. 4, p. 1, 2017. Disponível em: https://www.researchgate.net/profile/Andrea_Steil/publication/316243277_Sistemas_de_memoria_em_organizacoes_intensivas_em_conhecimento_um_estudo_de_caso/links/58f768100f7e9b81551911b8/Sistemas-de-memoria-em-organizacoes-intensivas-em-conhecimento-um-estudo-de-caso.pdf. Acesso em: 21 fev. 2023.

BAENINGER; Rosana. População e Cidades: subsídios para o planejamento e para as políticas sociais. Brasília. Núcleo de Estudos de População – Nepo/ Unicamp/UNFPA, 2010.

BARBOSA, Gisele Silva. O Desafio do desenvolvimento sustentável. Revista Visões, Macaé, 4º ed. n. 4 v. 1, jan./jun. 2008.

BARDIN, Laurence. Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2011.

BATISTA, Fábio Ferreira. Modelo de Gestão do Conhecimento para a Administração Pública Brasileira: Como implementar a Gestão do Conhecimento para produzir resultados em benefício do cidadão. Ipea, Brasília, 2012. Disponível em: https://repositorio.ipea.gov.br/handle/11058/754. Acesso em: 21 fev. 2023.

BRASIL. Lei Complementar da Transparência. n. 131, de 27 de maio de 2009. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Leis/LCP/Lcp131.htm. Acesso em: 21 fev. 2023.

CARVALHO, Andrea Alves dda Silva; FERNEDA, Edilson; STREIT, Rosalvo Ermes. A gestão do conhecimento e os desafios para a implementação de um modelo de excelência baseado na norma ISO 30401. Perspectivas em Gestão & Conhecimento, João Pessoa, v. 10, n. 3, p. 19-46, set./dez. 2020.

CONKLIN, Jeff. Designing organizational memory: preserving intellectual assets in a knowledge economy. Napa, Califórnia, 1997, 2001. Disponível em: http://cognexus.org/dom.pdf. Acesso em: 21 fev. 2023.

CRESWELL, John W.; CLARK, Vicki L. Plano. Pesquisa de Métodos Mistos. Série Métodos de Pesquisa. Porto Alegre. Penso Editora, 2013.

DAVENPORT, Thomas; PRUSAK, Laurence. Conhecimento empresarial: como as organizações gerenciam o capital intelectual. Rio de Janeiro: Campus, 1998.

DIÁRIO ELETRÔNICO DO TRIBUNAIS DE CONTAS DO ESTADO DE SANTA CATARINA. Disponível em: https://www.tcesc.tc.br/content/dotc-e. Acesso em: 21 fev. 2023.

DIÁRIO ELETRÔNICO DO TRIBUNAIS DE CONTAS DO ESTADO DO PARANÁ. Disponível em: https://www1.tce.pr.gov.br/conteudo/lista/diario-eletronico/1436/area/46. Acesso em: 21 fev. 2023.

DIÁRIO ELETRÔNICO DO TRIBUNAIS DE CONTAS DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. Disponível em: https://tce-rs.jusbrasil.com.br. Acesso em: 21 fev. 2023.

DRUZIANI, Cássio Frederico Moreira; CATAPAN, Araci Hack. Percepção da Memória Organizacional no Setor Público de Tecnologia da Informação. Perspectivas em Gestão & Conhecimento, João Pessoa, v. 2, n. 2, p. 97-121, jul./dez. 2012.

FERRARI, Alessio; WITSCHEL, Hans Friedrich; SPAGNOLO, Giorgio Oronzo; GNESI, Stefania. Improving the quality of business process descriptions of public administrations. Business Process Management Journal, Bradford, Emerald, [s.l.], v. 24, n. 1, p.49-66, fev. 2018. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1108/bpmj-05-2016-0096. Acesso em: 21 fev. 2023.

KUZMA, Edson Luiz; DOLIVEIRA, Sergio Luis Dias; SILVA, Adriana Queiroz. Competências para a Sustentabilidade Organizacional: uma revisão sistemática. Cad. EBAPE.BR, Rio de Janeiro, v. 15, Edição Especial, Artigo 3, set. 2017.

INTERNATIONAL ORGANIZATION FOR STANDARDIZATION – ISO. Online Browsing Platform (OPB). Versão 30401:2018. Disponível em: https://www.iso.org/obp/ui/#iso:std:iso:30401:ed-1:v1:en. Acesso em: 21 fev. 2023.

LOON, Mark. Knowledge management practice system: Theorisingfrom an international meta-standard. Journal of Business Research, Rochester, Elsevier n. 94, p. 432–441, 2019.

LUCIANO, Edimara Mezzomo; WIEDENHÖFT, Guilherme; SANTOS, Fabio pinheiro dos. Barreiras para a Ampliação de Transparência na Administração Pública Brasileira: Questões Estruturais e Culturais ou Falta de Estratégia e Governança? Administração Pública e Gestão Social, Viçosa, v. 10, n. 4, p.282-291, out./dez.2018.

MASSINGHAM, P. R. Measuring the impact of knowledge loss: a longitudinal study. Journal of Knowledge Management, Bradford, v. 22 n. 4, p. 721-758, 2018.

MORESI, Eduardo Amadeu Dutra; CRUZ, Paulo Henrique da; ARANAUT, Wagner Lindberg Baccarin; NEHME, Cláudio Chauke. Memória organizacional de comunidades de prática como fator de vantagem competitiva das organizações. Revista OES UFBA. Salvador, v.16 - n.50, p. 479-495, jul./set. 2009.

MOORE, David; MCCABE, George. Statistiek in de praktijk: Theorieboek. Den Haag: Academic service, 2006.

MUKAKA, Mavuto. A guide to appropriate use of correlation coefficient in medical research. Malawi medical journal, Malawi, v. 24, n. 3, p. 69-71, 2012.

MOREIRA, Herivelton; CALEFFE, Luiz Gonzaga. Metodologia de pesquisa para o professor pesquisador. Rio de Janeiro: Lamparina, 2008.

MUNCK, Luciano; MUNCK, Marina Gomes Musetti; SOUZA, Rafael Borim de. Sustentabilidade Organizacional: A Proposição de uma Framework Representativa do Agir Competente para seu Acontecimento. Revista Interinstitucional de Psicologia, Belo Horizonte, v. 4, n. 2, Edição Especial, p. 147-158, dez. 2011.

MUNCK, Luciano; SOUZA, Rafael Borim de. Gestão por competências e sustentabilidade empresarial: em busca de um quadro de análise. Gestão e Sociedade, Belo Horizonte, v. 3, n. 6, p. 254-287, 2009.

NASCIMENTO, Leandro da Silva; SOUSA JUNIOR, João Henrique. Relacionando capital intelectual, gestão do conhecimento e sustentabilidade: um modelo conceitual. Florianópolis, NAVUS - Revista de Gestão e Tecnologia, v. 9, n. 2, p. 92-104, abr./jun. 2019.

NILAKANTA, Sree; MILLER, L.; ZHU, Dan. Organizational memory management: technological and research issues. Journal of Database Management, v. 17, n. 1, p. 85-94, jan./mar. Harrisburg, 2006.

NONAKA, Ikujiro; TAKEUCHI, Hirotaka. Criação de conhecimento na empresa: como as empresas japonesas geram a dinâmica da inovação. 14. ed. Rio de Janeiro: Campus, 1997.

NORDE, Marina Maintinguer, PORCIÚNCULA, Laura, GARRIDO, Giovanna, GALBES, Nadine Marques Nunes, SARTI, Flávia Mori, MARCHIONI, Dirce Maria Lobo, CARVALHO, Aline Martins de. Measuring food systems sustainability in heterogenous countries: The Brazilian multidimensional index updated version applicability. Sustainable Development, New Jersey, jul. 2022.

NVIVO12. Software NVIVO Versão 12, 2021. Disponível em: http://download.qsrinternational.com/Resource/NVivo10/NVivo-10-OverviewPortuguese.pdf. Acesso em: 21 fev. 2023.

OLIVEIRA, Josiléia Curty de; BARBOSA, Kézya Lourenço; NUNES, Aline Carvalho Machado; CORREA, Pedro Henrique Freire; SOUZA, Ariadne Marra de. Sustentabilidade Organizacional: Práticas Ecoeficientes na Universidade Federal do Espírito Santo, Setor Administrativo. Revista Práticas em Gestão Pública Universitária, Vitória, ano 4, v. 4, n. 1, jan./jun. 2020.

PAWLOWSKY, P.; PFLUGFELDER, N. S. The ISO 30401 knowledge management systems standard – a new framework for value creation and research? Emerald Publishing Limited. London, v.22, n.3, p. 506-527, 202.

POLLITT, Christopher. Institutional amnesia: a paradox of the “information age”? Prometheus, v. 18, n.1, p.5-16, May, London, UK 2000.

SANTOS, Juliana Cardoso; ALCARÁ, Adriana Rosecler. VALENTIM, Marta Ligia Pomim. Competência em Informação para constituição da memória organizacional. Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação, São Paulo, v. 17, n. esp., p. 01-18, 2021.

SCHLESINGER, Cristina Costa Barros; REIS, Dálcio Roberto dos; SILVA, Helena de Fátima Nunes; CARVALHO, Hélio Gomes de; SUS, Jane Alves Lopes de; FERRARI, João Vicente; SKROBOT, Luiz Claudio; XAVIER, Suzete Arend de Paula. Gestão do Conhecimento na Administração Pública. Curitiba: Instituto Municipal de Administração; Pública – IMAP, Curitiba, PR, 2008.

SCHWEITZER, Fernanda. Proposta de Modelo de Representação da Memória Organizacional Baseada em Fluxos de Informação. 2020, 160 f. Tese (Doutorado em Ciência da Informação) - Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis. 2020.

SOUZA, Rafael Borim. MUNCK, Luciano. Competências e Sustentabilidade Organizacional: Uma aproximação (im)possível? XIX ENGEMA. Anais [...] USP, São Paulo, ISSN: 2359-1048, 2017

STEIN, Eric. Organizational memory: review of concepts and recommendations for management. International Journal of Information Management, v. 15, n. 2, p. 17-32, Pensilvânia 1995.

VON KROGH, Georg; ICHIJO, Kazuo, NONAKA, Ikujiro. Facilitando a criação de conhecimento: reinventando a empresa com o poder da inovação contínua. Campus, Rio de Janeiro, 2001.

WALSH, James; UNGSON, Gerardo Rivera. Organizational memory. Academy of management. Review, New York, v. 16. n. 1, p. 57-91, 1991.

WERNER, Wagner; WERNER, Ilvili Andréa. Gestão do conhecimento: Ferramentas tecnológicas e portais do conhecimento para empresas desenvolvedoras de tecnologias de médio e pequeno portes. Revista Terra & Cultura: Cadernos de Ensino e Pesquisa, v. 20, n. 38, p. 183-241, 2020.

WIIG, Karl Martin. Application of knowledge management in public administration. Journal of Knowledge Management, Arlington, Knowledge Research Institute, Inc., 1999.

Downloads

Publicado

30-04-2024

Como Citar

Bernardino, J., & Strauhs, F. do R. . (2024). Procedimentos de Memória Organizacional na Administração Pública: ações que apoiam a Sustentabilidade Organizacional. Perspectivas Em Gestão &Amp; Conhecimento, 14(1), 62–87. Recuperado de https://periodicos.bbn.ufpb.br/ojs2/index.php/pgc/article/view/67344

Edição

Seção

Relatos de Pesquisa | Research Articles